Polícia identifica dois suspeitos de furtar motocicleta de empresário em Cabeceira do Piauí

Polícia identifica dois suspeitos de furtar motocicleta de empresário em Cabecei

12/03/2018 - 09:17

A Polícia Militar de Cabeceiras do Piauí já identificou dois suspeitos de terem invadido a casa do empresário Robson Mix, da Banda Pressão e furtado uma motocicleta modelo Honda CRFs, além de outros pertences como computador.

Segundo o Sargento Luís Carlos, comandante do Grupamento da Polícia Militar de Cabeceiras, por volta de 03:hs da madrugada deste domingo (11/03), dois homens invadiram a casa do empresário e de sua mãe, na Localidade Baixa da Cruz, zona rural de Cabeceiras. Foram furtados um notebook, celular, uma espingarda e um moto que Robson adquiriu recentemente.

Luís Carlos disse ao Em Foco que os dois suspeitos foram identificados Paulo Henrique Bezerra, 27 anos, com passagem pela polícia, e um comparsa identificado apenas por Edgar. A esposa do empresário Robson chegou a ver quando os dois fugiam na motocicleta.

Ainda segundo a polícia, Henrique havia furtado uma motocicleta há cerca de um mês em Sigefredo Pacheco-PI e foi perseguido pela polícia daquela cidade, se escondendo na localidade Vaga Brava, na zona rural de Cabeceiras. O suspeito visitava na casa de Robson e, inclusive, usava a internet (wi-fi) da casa.

A polícia disse que após invadir as duas residências, os suspeitos fugiram sentido a cidade de Boa Hora e podem estar escondidos em Boqueirão do Piauí, Jatobá do Piauí, Campo Maior, Sigefredo Pacheco ou Castelo do Piauí. O delegado de Barras, Renato Pinheiro, comanda as investigações, enquanto a Polícia Militar continua as buscas nas cidades da região e pede à população que, caso reconheça os suspeitos, denunciem.

Paulo Henrique Bezerra foi preso por estupro

Paulo Henrique já foi preso em junho de 2016, acusado de estupro em Sigefredo Pacheco. O caso ganhou repercussão nacional, depois que um vídeo vazou no aplicativo WhatsApp, mostrado com exclusividade pelo Em Foco. Além de Henrique, mais três suspeitos foram presos. Um quinto rapaz que aparecia no vídeo conseguiu fugir. Todos já foram liberados. Henrique chegou a ser liberado e preso novamente pelo mesmo caso.

Fonte: campo maior em foco
Bookmark and Share