Governo do PI demitirá dez mil servidores até março de 2011



16/12/2010 - 10:12

O Goverdo do Estado do Piauí tem até março de 2011 para afastar do serviço público mais de 4 mil prestadores de serviços que trabalham como professores substitutos em escolas de Teresina e, principalmente do interior. As demissões atenderão as determinações do TRT-PI e ação pública proposta pelo Ministério Público.

A decisão foi proferida em fevereiro de 2009 pelo juiz do trabalho Roberto Wanderley Braga, e ratificada em março passado pelo plenário do TRT-PI. A sentença obriga o governo a demitir servidores que não são efetivos e determina a realização de concurso público para contratação de servidores efetivos.

O governo tem o prazo de um ano para o cumprimento da ordem, o governo recorreu ao TST mas provavelmente não terá sucesso. O Estado busca duas saídas: preparar um concurso público e negociar com o Ministério Público do Trabalho uma forma de acomodar servidores cujos cargos e funções dificilmente serão preenchidos através de concursos.

 

Fonte:Com informações do Diário do Povo

 

Fonte: