Piauí ainda não tem caso registrado da super bactéria KPC


17/11/2010 - 12:11

A super bactéria KPC está tirando o sono de muitos brasileiros. Alguns estados do País, como São Paulo, Paraná e Distrito Federal já registraram dezenas de casos, inclusive com vitima fatal. Entretanto, o Piauí continua sem registros.

No Nordeste, há registro de infecção da bactéria nos estados do Ceará e da Paraíba. Pessoas desses estados podem vir para o Piauí, que é referência na região em saúde e precisa estar preparado para não ocorrer infecção.

A diretora da Vigilância Sanitária do Estado, Tatiana Chaves, afirma que os hospitais e profissionais de saúde piauienses estão orientados e habilitados para tratar e dar informação sobre a segurança dos pacientes.

A Agência de Vigilância Sanitária do Piauí disponibilizou um sistema on line para monitorar os hospitais, ao passo que esses também informem à Agencia sobre as ocorrências e qualquer informação sobre corrente sanguínea.

"O Piauí não tem nenhum caso registrado, mas continuaremos os trabalhos de acompanhamento em todos os hospitais do estado" afirma Tatiana Chaves.

Além do monitoramento, houve também uma padronização dos antibióticos que são utilizados nos hospitais. "Existem vários tipos de patologias, estamos avaliando quais as mais frequentes e recomendando um antibiótico para cada uma dessas especificidades. Padronizamos a distribuição e formamos uma comissão para avaliar a forma que está sendo aplicada", explica Tatiana.

Na quarta feira (17) o Ministro da Saúde, José Gomes Temporão, estará em Teresina para uma reunião com os secretários Estaduais e municipais de Saúde, além do governador e prefeitos, para analisar as ações de combate à dengue no Piauí. Como o estado não apresenta nenhum problema grave em relação à bactéria KPC, o assunto não entrará em pauta na reunião, que acontecerá as 11h30 no Palácio de Karnak.

Fonte:
Bookmark and Share